∞...

domingo, 3 de abril de 2011
Dizem por ai que tatuagem vicia. Você faz uma, duas, três e não para mais...
Isso é verdade, acreditem, tenho duas e pretendo ir à terceira, a minha dúvida era o que fazer, ou melhor, o que desenhar, passei dias pensando e pensando sem chegar a nenhuma conclusão. Tanto que esse assunto me fugiu da mente, até que todas as coisas que eu resolvi jogar pro alto - em relação às decisões da vida - decidiram voltar e me acertar bem na cabeça.
Tive que sair de casa.
Trinquei um relacionamento de dois anos.
Fui demitida.
Perdi pessoas que eu considerava amigos.
Me vi só.
E fui obrigada a crescer, me reescrever, reinventar. Sozinha, me virei como pude, resolvi o que deu e achei que tinha acabado tudo quando tomei as minhas decisões de microondas. Eu estava errada; metade do meu castelo de cartas desabou, e eu me vi tentando reconstruir o que tinha caido e segurar o que ainda estava de pé. Que tolo! Despois de tentar muito, alguém me me deu uma luz magnifica dizendo que eu precisava começar de novo, tudo novo, porque nada continua sustentado/seguro se a base está fragilizada, desgastada, frouxa.
Segui conselho, derrubei todo o castelo, comecei colocando o que era importante, firme, sólido, depois fui pros sonhos palpáveis, pras decisões acertadas, pros objetivos concretos, ai cheguei no 'terceiro andar' e tive que escolher entre encerrar o castelo bem ai com as duas últimas cartas, ou esperar conseguir outras cartas e continuar a aumentá-lo. Foi difícil, mas eu quero construir um castelo maior, eu quero ver o mar de lá de cima, e tocar as nuvens e fingir que posso voar quando for obrigada pela morte a fechar os olhos.
Vou viver por mim e esperar as coisas que hão de vir, ou que não virão. Nem me importo.
O que vale é viver a vida completa e sem medo de arriscar outros caminhos e outras cartas... Viva intensamente e sem moderação!

Ahh, quanto à tatuagem, depois de decidir continuar a fazer o meu castelo crescer, descobri que quero ter em mim o símbolo do infinito que eu me tornei...

1 comentários:

  1. Alê disse...:

    Amo tatoo... Tbém tenho 02 e quero maisssssssssss

    =)

    Carpinejar definiu muito bem: ""TATUAGEM, A ÚNICA CICATRIZ QUE PUDE ESCOLHER""


    Bjo